A influência do malte nas cervejas artesanais

O termo malte é usado para indicar aqueles cerais que passam pela malteação. Este processo nada mais é que a modificação interna dos grãos, de maneira natural. Assim, facilita a transformação do amido em açúcar, que é o ingrediente essencial no processo de fermentação.

Além de possuir influência sobre as características da cerveja, a principal função do malte é a de fornecer nutrientes para “alimentar” o fermento. Ou seja, produzir gás carbônico, álcool e outros subprodutos essenciais para que ocorra a fermentação.

A combinação correta dos maltes durante a produção da cerveja é que irá determinar sua cor, sabor, sensação na boca, corpo e aroma. 

Tipos de malte

Pilsen Pintado

Esse é o tipo de malte que fornece às cervejas um mosto claro e brilhante. Por isso é considerado o mais comum e serve como base para a maioria dos estilos de cerveja.

Munique

Assim como o malte Pilsen, ele também dá a base para vários estilos. Suas características destacam o aroma e o sabor do malte.

Carahell

O Carahell é utilizado para dar corpo à cerveja e também um leve sabor de caramelo. É usado em diversos estilos, assim como o Munich e o Pilsen. Entretanto, diferentemente dos outros, ele influência a formação de espuma da bebida.

Caraed

Já o malte Caraed, é utilizado para cervejas avermelhadas e com um leve sabor caramelizado. Pode ser encontrado em diversas cervejas como a Back, a Âmbar, a Red Ales, as Ales escocesas e outras.

Trigo Claro

É um malte que funciona como base para todas as cervejas de trigo. Este tipo claro dá o aroma da bebida.

Trigo Escuro

Da mesma forma que o Trigo Claro, o escuro também acrescenta aroma às cervejas de trigo. Contudo ele proporciona uma cor mais escura, como visto na Kolsch, na Witbier e na  Weizenbock.

Trigo torrado

É encontrado em todas as cervejas escuras de trigo. Seu aroma característico é um leve sabor defumado, muito característico das bebidas escuras.

Malte de centeio

Como se nota pelo nome, esse malte possui um aroma típico é o de centeio. Por isso, é usado como base em todas as cervejas especiais de centeio.

Carabelge

Além de possuir um aroma de caramelo, esse tipo de malte também apresenta uma coloração de mel encantadora. Suas características estão presentes em cervejas como Tripel, Duddel e Blond, entre outras.

Carabohemian

Este é mais um tipo com forte aroma caramelo. O Carabohemian aparece na fabricação de cervejas escuras, como Porter, Dubbel e Blond.

Carafa 1 (Chocolate)

O malte Carafa 1 auxilia na coloração de cervejas escuras. No entanto, ele apresenta um suave aroma de tostado.

Abby Malt

Acima de tudo, este malte confere um sabor muito intenso e marcante nas bebidas, como as Trapistas, Blond e Oktoberfest.

Biscuit Malt

Esse malte não só dá um aroma de biscoito à bebida, como também proporciona uma cor âmbar. Está presente em cervejas como Amber Ales e Brown Ales.

Melanoidina

Assim como o Caraed, esse malte proporciona uma coloração avermelhada à bebida, além de estabilizar o paladar. As cervejas que são fabricadas com esse malte possuem características encorpadas e um leve aroma de biscoito tostado. Está presente nas cervejas como a Bock, Âmbar e Red Ale.

Karaaroma

Este malte também acrescenta uma forte coloração vermelha às cervejas. O Caraaroma não só encorpora como também dá um sabor doce de caramelo. Encontre-o nas cervejas Bock, Stours, Porter, entre outas.

SE BEBER NÃO DIRIJA

FONTE: www.nossabreja.com